Comunicado de Imprensa: Parece fácil, mas a experiência diz que não!

guess what Assessoria Mediática, Comunicação 28 Maio, 2013

A redação de um comunicado de imprensa pode parecer uma tarefa fácil para qualquer profissional de relações públicas. Mas a verdade é que muitos deles revelam falhas a este nível e dificuldades em conseguir captar a atenção do destinatário. Nesse sentido, ficam aqui algumas dicas que poderão ser úteis no futuro, para quem ler este artigo:

  • A primeira e mais importante regra quando se escreve um comunicado de imprensa é “contar uma história”. Para isso deve-se antecipar o que o destinatário considera relevante em termos de conteúdo. Se a história for surpreendente, polémica ou desafiar a sabedoria convencional está no bom caminho para dar origem a uma notícia com grande destaque e uma boa mancha mediática.
  • Não forçar grandes notícias de pequenos acontecimentos. Não adianta tentar o impossível quando o que temos para divulgar não tem qualquer interesse jornalístico.
  • Dedicar mais tempo a explicar o “porquê” e não o “quê”.
  • Ao usar citações não se deve recorrer a frases felizes. É mais importante explicar os motivos que conduziram a algo em vez de recorrer a adjetivos ou elogios.
  • Evitar palavras vulgares e hiperbólicas. Utilizar uma linguagem objetiva e direta.
  • Não desperdiçar o lead. O primeiro parágrafo dever conter a informação principal do comunicado, deixando para os restantes parágrafos conteúdos que acrescentem algo relevante à história.
  • Não usar pontos de exclamação, palavras em negrito e letras maiúsculas. Frases bem estruturadas e uma boa escolha de palavras falam por si e dispensam a necessidade de chamar atenção para elas próprias com acentuação excessiva.