Consultoras de Comunicação – Tendências

Cerebro

Devido a uma tremenda falta de tempo não tinha ainda tido oportunidade de destacar o artigo do Luís Rosendo (Direcção da Apecom) publicado no suplemento Consultoras de Comunicação – Meios & Publicidade onde aborda as conclusões da última reunião da ICCO. Para quem não teve oportunidade de ler, deixo aqui os principais destaques na minha opinião:

– As consultoras de comunicação estão a apostar cada vez mais no segmento denominado por MarComm. Este deixou de ser um território exclusivo das agências de publicidade;

– Necessidade de apostarmos em métricas e eficazes sistemas de avaliação para as nossas campanhas que vão ao encontro das pretensões dos decisores de marketing;

– Dar um cunho mais emocional às apresentações das empresas de RP. Isto é algo que as agências de publicidade sempre fizeram com grande sucesso;

– O mercado da Web 2.0 está em grande ebulição. Dado ser uma área recente e em constante evolução, as empresas de RP têm aqui um segmento que não poderão desprezar, pois caso contrário seremos ultrapassados por outras áreas da comunicação.