Os brindes promocionais da Indústria Farmacêutica

guess what Comunicação, Relações Públicas 1 Janeiro, 2009

Entra hoje em vigor nos EUA o novo código de conduta da Indústria Farmacêutica (IF) que prevê o eventual desaparecimento dos clássicos materiais promocionais, vulgo brindes, oferecidos pelos laboratórios aos médicos.

Este código, criado pela Pharmaceutical Research and Manufacturers of America, foi assinado voluntariamente no mês passado pelas maiores farmacêuticas do mundo como a Pfizer, Roche, Novartis, Bayer, Merck, sanofi-aventis e muitas outras.

Numa relação incontornavelmente comercial, este parece ser mais um esforço no sentido de posicionar a IF como parceira dos profissionais de saúde, refreando uma vertente mais hard-selling que chegou muitas vezes a transformar o consultório médico numa espécie de mostruário de marcas. O branding de canetas, blocos, posters, pens, pisa papéis, relógios, calculadoras, calendários e afins poderá ver os seus dias contados…

Em vez disso, a tónica da relação é colocada numa perspectiva científica e este pode ser o grande trunfo da Indústria. Ao ser uma produtora por excelência de conhecimento científico, a IF desempenha um papel fundamental na própria actualização pedagógica da classe médica. Mas este ainda é um mérito que passa despercebido à maior parte da população… Parece-me que este Código é um excelente ponto de partida para a comunicação da IF em 2009: Be, Do, Say.