Primeiro mês de trabalho híbrido

Guess What Comentário à Atualidade 23 Setembro, 2021

A COVID-19 provocou medidas de isolamento que foram implementadas para evitar a propagação e contágio do vírus. O teletrabalho foi generalizado no último ano e meio, obrigando empresas e trabalhadores a adaptarem-se à nova realidade. Este modelo veio provar que é possível trabalhar em qualquer sítio, sem afetar de forma alguma a produtividade. 

Já era frequente ouvirmos, nos meios de comunicação, que o sistema híbrido de trabalho estaria para breve, com as novas medidas de desconfinamento. Em setembro foi implementado este modelo, o que significa que desempenhamos as nossas funções durante alguns dias da semana na empresa e outros dias em casa.

Com computador na mochila, voltamos ao caos do trânsito ou dos transportes públicos, embora seja apenas alguns dias por semana. Foi com entusiasmo que voltamos a rever colegas que só tínhamos tido contacto através do ecrã do computador. Estando fisicamente na empresa, podemos trocar ideias em qualquer altura e temos a oportunidade de ajudar ou ser ajudados em momentos de apuros. Através do trabalho em casa, estamos sozinhos, contudo isto também permite um maior foco e concentração nas nossas funções.

Passado um mês de trabalho híbrido, percebemos que existem aspetos importantes em trabalhar fisicamente na empresa e também em casa. Se este modelo se irá manter, só o futuro o dirá, mas é certo que as mudanças vieram para ficar.

Bárbara Marteleira, Communication Consultant